Weby shortcut
Assinatura visual
Logo da Universidade Federal de Goiás

Perfil do Egresso

Atualizado em 19/11/14 09:39.

 

O profissional de Biotecnologia deverá ser capaz de propor e desenvolver pesquisas relacionadas a processos e produtos inovadores no campo da biotecnologia, com ênfase em Ciências da Saúde. Este profissional deverá possuir espírito crítico com capacidade para entender o valor da pesquisa científica, seus benefícios e aplicações em biotecnologia. O profissional deverá ainda ser capaz de avaliar portfólios de empresas de biotecnologia e compreender as exigências para sua criação. Dessa maneira, ele poderá aplicar seus conhecimentos em institutos de pesquisa, universidades, laboratórios e empresas envolvidos em biotecnologia. Poderá também dar continuidade à sua formação acadêmica por meio do ingresso na pós-graduação. Finalmente, o profissional deverá conhecer os possíveis riscos, as normas de biossegurança e os conceitos morais e éticos relacionados com a Biotecnologia, em consonância com as potencialidades e a sustentabilidade de nossa biodiversidade.

Habilidades do Egresso

Os egressos em Biotecnologia devem apresentar as seguintes competências e habilidades:

a) Identificar a importância da biotecnologia para a sociedade e relacioná-la a fatos, tendências, fenômenos ou movimentos da atualidade;

b) Desenvolver espírito crítico e reflexivo para o exercício profissional com compromisso social e respeito aos valores éticos;

c) Reconhecer problemas relevantes para a investigação científica e ser capaz de planejar, elaborar e executar projetos de pesquisa, bem como utilizar recursos matemáticos, estatísticos, computacionais e outros, para análise, apresentação e divulgação dos resultados;

d) Aplicar de forma autônoma e crítica os conhecimentos científicos e tecnológicos já existentes relacionados à biotecnologia, tendo em vista a relevância social, o rigor científico e ético;

e) Produzir, aprimorar, divulgar processos e produtos biotecnológicos;

f) Aplicar metodologia científica no planejamento, gerenciamento e execução de processos e técnicas na emissão de laudos, perícias e pareceres, relacionados ao desenvolvimento de atividades de auditoria, assessoria e consultoria na área biotecnológica;

g) Avaliar o impacto potencial ou real de novos conhecimentos, tecnologias, serviços e produtos resultantes de sua atividade profissional, tendo em vista os aspectos ético, social, ambiental, econômico e epistemológico;

h) Realizar formação continuada, visando manter atualizada a sua cultura geral, científica e técnica, utilizando ferramentas de informática e tecnológicas para o seu próprio aperfeiçoamento e o dos demais profissionais sob sua coordenação;

i) Coordenar e participar de equipes de trabalho multiprofissionais destinadas a avaliar e executar atividades no desenvolvimento de processos, produtos e controle de qualidade, tendo em vista a preservação e a sustentabilidades do ambiente.

Listar Todas Voltar